Marcada por abusos, Lava Jato perde apoio do povo

Marcada por abusos de poder e desprezo às garantias individuais previstas na Constituição, a operação Lava Jato perdeu apoio nos últimos meses em todos os indicadores; segundo pesquisa do instituto Ipsos, 30% dos entrevistados afirmam que votariam em um candidato à Presidência envolvido em escândalos de corrupção 'desde que fosse um bom presidente'; 87% dizem que a Lava Jato deveria investigar todos os partidos, mas apenas 46% acreditam que ela, de fato, esteja investigando todos eles; esta percepção caiu 9 pontos de março para agosto deste ano

Banner na materia inicio  816 x90

A operação Lava Jato já não é a mesma para a maioria dos brasileiros. Segundo a pesquisa Pulso Brasil, do instituto Ipsos, realizada entre 1º e 11 de agosto, a aprovação à operação de combate à corrupção, que ficou marcada por abusos de poder e desprezo às garantias individuais previstas na Constituição, caiu nos últimos meses em todos os indicadores.

Entre os dados apresentados na pesquisa, 30% dos entrevistados afirmam que votariam em um candidato à Presidência envolvido em escândalos de corrupção ‘desde que fosse um bom presidente’.

Para 86% dos entrevistados, a operação deve ir até o fim, ‘custe o que custar’. Esse apoio, entretanto, já foi mais alto (96%) entre 2016 e 2017. Nove em cada dez entrevistados (87%) dizem que a Lava Jato deveria investigar todos os partidos, mas apenas 46% acreditam que ela, de fato, esteja investigando todos eles – em junho de 2017, esse índice era de 74%

Já a crença de que a operação pode ajudar a transformar o Brasil num país sério apresentou queda de 8 pontos porcentuais em comparação a março de 2018 (de 71% para 63%). Enquanto a percepção de que a Lava Jato não está investigando todos os partidos caiu nove pontos de março de 2018 a agosto de 2018, ficando em 46%.

A Pulso Brasil mostrou também que a consciência de que todos os partidos são corruptos corresponde, atualmente, a apenas 59% da opinião pública ante 80% até julho do ano passado.

A Pulso Brasil mostrou também que a consciência de que todos os partidos são corruptos corresponde, atualmente, a apenas 59% da opinião pública ante 80% até julho do ano passado.

 

Do Brasil 247


Todo e qualquer comentário é de inteira responsabilidade do seu autor e em nada tem a participação do site RO24HORAS
Loading...