Pesquisas do Datafolha mostram que maioria dos brasileiros rejeita propostas de Bolsonaro

Banner na materia inicio  816 x90

A série de pesquisas divulgadas nos últimos dias pelo instituto Datafolha, ligado ao diário conservador paulistano Folha de S. Paulo,demonstra que embora os brasileiros tenham rejeitado a política tradicional em sua escolha de candidato, majoritariamente se opõem a plataformas específicas do neofascista Jair Bolsonaro.

A discussão de assuntos políticos nas escolas, por exemplo, é apoiado por 71% dos entrevistados (54% totalmente). Bolsonaro e especialmente um de seus filhos, o deputado federal Eduardo, tem prometido o que definem como “marxismo cultural”, frisando que o ensino deve ser “técnico”.

A educação sexual nas escolas também tem apoio majoritário (54%). Dentre as mulheres, atinge 56%.

Bolsonaro e seus apoiadores fizeram campanha espalhando a mentira sobre a existência de um inexistente kit gay, sugerindo que as escolas produziriam gays e lésbicas.

As pesquisas do Datafolha, de âmbito nacional, entrevistaram mais de 2 mil brasileiros.

Anteriormente, o instituto havia constatado que 61% dos brasileiros rejeitam as privatizações (44% totalmente)

O superministro da Economia de Bolsonaro, Paulo Guedes, promete privatizar tudo o que for privatizável.

Além disso, 57% dos entrevistados se disseram contra reduzir as leis trabalhistas (43% totalmente). Bolsonaro, em entrevista, disse que ser for possível extinguirá a Justiça do Trabalho.

Os números demonstram que há espaço para militância contra as reformas de Bolsonaro.

O neofascista assumiu com a expectativa de que fará um governo ótimo ou bom por 65% dos entrevistados, mas neste ítem perdeu para o ex-presidente Lula de goleada (76%). Lula governou por dois mandatos, saiu do Planalto com aprovação recorde e elegeu sua sucessora.

Do VioMundo


Todo e qualquer comentário é de inteira responsabilidade do seu autor e em nada tem a participação do site RO24HORAS
Loading...