Delegada encerra investigação sobre a acusação de estupro e Neymar não será indiciado, diz site

Banner na materia inicio  816 x90

Delegada ainda tinha até o próximo mês para entregar relatório sobre caso contra o jogador, mas concluiu o mesmo antes do novo prazo concedido

O caso Neymar acerca da acusação do suposto estupro contra a modelo Najila Trindade está próximo de ter um veredicto. De acordo com informações do UOL Esporte, a delegada Juliana Lopes Bussacos, da 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, de Santo Amaro, deu por encerradas as investigações e repassará todo o material apurado para o Ministério Público.

Segundo o portal, o relatório da investigação será enviado para a Justiça que fará a avaliação da delegada e escrever um parecer. As conclusões do MP e da Polícia Civil vão embasar a decisão final da juíza da Vara da Região Sul 2 de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher.

O Ministério Público terá 15 dias, – contando a partir desta terça (30) – para tomar as providências sobre o inquérito do caso, como revelou a assessoria de imprensa do órgão à reportagem do UOL.

O início do inquérito se deu no dia 31 de maio, quando Najila Trindade registrou um boletim de ocorrência. A delegada Juliana Bussacos tinha um prazo de 30 dias para concluir as investigações, algo que não aconteceu. Apesar de todos os depoimentos colhidos, a polícia ainda tinha algumas pendências, fato que culminou em uma solicitação para a prorrogação do prazo. No último 12 de julho, o pedido foi acatado pela Justiça.

De acordo com a publicação, a delegada Juliana Bussacos dará entrevista coletiva nesta nesta terça-feira (30), para falar sobre o caso na sede do Departamento de Polícia Judiciária da Capital – DECAP.

Por Cido Vieira


Todo e qualquer comentário é de inteira responsabilidade do seu autor e em nada tem a participação do site RO24HORAS
Loading...