PF investiga pagamento de propina ao deputado Sérgio Souza do MDB-PR

Banner na materia inicio  816 x90

Estão sendo cumpridos 18 mandados de busca e apreensão expedidos pelo ministro Celso de Mello, do STF

A Polícia Federal está nas rua nesta manhã para cumprir 18 mandados de busca e apreensão da Operação Grand Bazaar, que investiga esquema de pagamentos de propina de fraudes a fundos de pensão ao deputado Sérgio Souza, do MDB do Paraná.

Estão sendo cumpridos mandados expedidos pelo ministro Celso de Mello, Supremo Tribunal Federal, nas cidades de Curitiba/PR, São Paulo/SP, Rio de Janeiro/RJ e Brasília/DF.

A investigação, instaurada no ano de 2018, teve início a partir da colaboração premiada do doleiro Lucio Funaro, que atuou em diversas fraudes desvendadas pelas Operações Cui Bono e Patmos, ambas deflagradas pela Polícia Federal em 2017.

As fraudes também foram investigadas por uma Comissão Parlamentar de Inquérito, que funcionou na Câmara dos Deputados, nos anos de 2015 e 2016.

Segundo Funaro, Souza comandava a CPI e, por acerto, deixou de incluir os presidentes do Postalis e Petros, os fundos de pensão dos servidores dos Correios e Petrobras respectivamente, nas investigações.

O ciclo de lavagem de dinheiro envolvia a remessa de recursos desviados dos fundos de pensão para empresas de fachada nos Estados Unidos. Com a confirmação do recebimento de valores em contas indicadas no exterior, operadores disponibilizavam recursos em espécie no Brasil. 

Por Robson Bonin

Da Veja


Todo e qualquer comentário é de inteira responsabilidade do seu autor e em nada tem a participação do site RO24HORAS
Loading...