Hospital diz que ‘não solicitou doações de sangue’ para Gésio Amadeu

Banner na materia inicio  816 x90

Hospital diz que ‘não solicitou doações de sangue’ para Gésio Amadeu

O ator Gésio Amadeu, 73, está internado no hospital Sancta Maggiore em São Paulo com covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Segundo a família, “ele está em estado grave, mas apresentando melhoras a cada dia.”

Nas redes sociais, um texto viralizou pedindo doações de sangue para o ator, o que foi esclarecido pela assessoria do hospital, em nota: “Diferente do que foi divulgado, a Prevent Senior não solicitou doações de sangue para o paciente, embora incentive a prática”.

Mario Amadeu, filho de Gésio, também falou sobre o tema na quarta-feira, 24: “Há poucos dias meu pai precisou de uma transfusão de sangue. Nós, como família, pedimos para amigos mais chegados que fizessem doações pois os bancos de sangue necessitam de reposição e, num geral, nesa pandemia, os estoques estão mais baixos”.

“A nossa solicitação, que era algo simples, tornou-se uma campanha de amplitude que não conseguimos controlar, nem o que foi dito a respeito do estado de saúde dele”, prosseguiu.

Confira abaixo a íntegra a nota do hospital Sancta Maggiore sobre a internação de Gésio Amadeu:

“O ator Gésio Amadeu está sendo atendido pela Prevent Senior, a pedido da família, desde 8 de junho. Amadeu está internado numa das unidades da rede hospitalar Sancta Maggiore recuperando-se de covid-19.

Diferentemente do que foi divulgado, a Prevent Senior não solicitou doações de sangue para o paciente, embora incentive a prática respeitando-se os cuidados necessários durante a pandemia.

Outras informações sobre o estado de saúde do ator serão repassadas apenas pelos familiares.”

Gésio Amadeu com covid-19
“Meu pai está atualmente na UTI, recebendo o melhor tratamento possível, conforme a percepção da nossa família. […] Seus pulmões foram comprometidos em mais de 50%, mas a boa notícia é que ele está respondendo bem ao tratamento”, escreveu Mario Amadeu em seu Facebook.

Segundo ele, seu pai começou a apresentar problemas de pressão alta no mês passado e foi a um hospital em 24 de maio para fazer exames, mas acabou ficando internado por 8 dias na UTI.

Gésio Amadeu teve alta e foi para um quarto, mas apresentou febre e aumentou as suspeitas de covid-19, porém, ainda não havia confirmação. Em 8 de junho, ele resolveu mudar de hospital: “À essa altura, o pulmão do meu pai já estava bem mais comprometido”.

Mario, que acompanhou o pai ao longo da situação, também acabou contraindo a covid-19 e passou 14 dias fazendo quarentena em sua casa e se tratando, já estando recuperado.

Confira as publicações sobre o estado de saúde de Gésio Amadeu:


Todo e qualquer comentário é de inteira responsabilidade do seu autor e em nada tem a participação do site RO24HORAS
Loading...